agênciamam | Com presença de brasileira, equipe feminina nas 24 Horas de Daytona faz história
assessoria de imprensa, relações públicas, media training, geração de conteúdo, imprensa, produção, comunicação, influenciadores, blogueiros, frooty, kumon, bia figueiredo, lindt, mini us, teatro j. safra
16991
post-template-default,single,single-post,postid-16991,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-title-hidden,qode-theme-ver-16.3,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.5.4,vc_non_responsive

Com presença de brasileira, equipe feminina nas 24 Horas de Daytona faz história

Além da piloto Bia Figueiredo, time liderado pela americana Jackie Heinricher contou com a suíça Simona de Silvestro e a inglesa Katherine Legge

Diversos pilotos brasileiros marcaram presença na Rolex 24 Hours At Daytona, na Flórida, que começou neste sábado (26), às 14h30, horário de Brasília, e teve seu encerramento neste domingo (27). Porém, a equipe que carregava o número 57 ganhou espaço ao competir com igualdade em um esporte predominante masculino. A piloto brasileira Bia Figueiredo, que disputa atualmente a Stock Car, estreou na competição pela equipe Heinricher Meyer Shank Racing, realizando um feito inédito ao entrar na pista com um time composto apenas por mulheres.

A equipe, formada também pela americana Jackie Heinricher, pela suíça Simona de Silvestro e pela inglesa Ketherine Legge, completaram a prova e chegaram na 13º na categoria GTD e 33º posição geral, considerando também as outras categorias em pista.

A bordo de um Accura NSX GT3, Bia comentou o desempenho: “nossa equipe cumpriu seu papel muito bem, conseguimos manter uma boa posição durante grande parte da corrida. Ao todo, pilotei quase 6 horas nas 13 primeiras horas. Foram 3 stints de 2 horas cada, muito cansativo, mas estou feliz por esta participação. Fisicamente, estou preparada para isso. E nossa equipe manteve-se em igualdade o tempo todo. Chegamos a ficar na terceira posição!”.

A chuva não deu trégua e, mesmo com momentos de paradas, a disputa manteve-se acirrada. Com 10 minutos para o final, a prova foi encerrada. “Consegui me sair muito bem, pilotei bem mesmo na chuva em condições desfavoráveis. Quando faltavam apenas 3 horas para o final da prova tivemos um acidente, que nos tirou por 10 voltas. Tínhamos grandes chances de terminar entre os cinco primeiros”, explica a atleta, que tem patrocínio pessoal da Grupo Financial, e da Caterpillar (CAT), Heinricher Racing e Meyer Racing. “Foi um ótimo aprendizado, a equipe é muito profissional. É uma prova maravilhosa!”, completa.

Bia Figueiredo – Piloto StockCar

Primeira brasileira a correr em uma categoria top do automobilismo mundial, a Fórmula Indy, Ana Beatriz Figueiredo – ou Bia Figueiredo – corre a temporada 2019 da Stock Car. Ela é a primeira mulher do mundo a vencer na Firestone Indy Lights, a única a vencer na Fórmula Renault, a única a conquistar uma pole position na Fórmula 3, e a única a disputar e a vencer no Desafio das Estrelas, torneio anual de kart organizado por Felipe Massa. É também a primeira brasileira a conquistar um lugar no grid e a disputar as 500 Milhas de Indianápolis e um campeonato integral da Fórmula Indy.

Assessoria de Imprensa da piloto Bia Figueiredo
agênciamam | 11 3881-8882
Mariana Franceschinelli | mariana@agenciamam.com |  11  99123.9401
Mariela Rodrigues | mariela@agenciamam.com